Contar com um bom ouvinte traz benefícios à saúde do cérebro

Ter a companhia de alguém disposto a nos ouvir pode ajudar a proteger o nosso cérebro. De acordo com estudo publicado na revista científica Jama, as boas interações sociais desaceleram o processo de declínio cognitivo, mesmo na presença de fatores como envelhecimento e alterações neuropatológicas, como as presentes entre quem tem Alzheimer.

O trabalho foi conduzido pelo departamento de neurologia da Universidade de Nova York, nos Estados Unidos, em parceria com outras instituições americanas.

Médicos já sabem que exercitar o cérebro (com jogos, leitura, etc) e manter a prática de atividades físicas são atitudes importantes para a boa manutenção da massa cinzenta. Agora, as interações sociais passam a fazer parte da lista.

Ter com quem desabafar e se aconselhar pode desacelerar o declínio cognitivo e prevenir doenças neurológicas, sugere estudo

Contar com um bom ouvinte traz benefícios à saúde do cérebro

publicado originalmente em Veja saúde

✨🌻