Doideira

Agora e às vezes, enxergo com nitidez.

Olho e vejo tudo como é, claro e chato

Mas dura pouco, quase nada

Lá vou eu pra terra do nunca, outra vez

Neste lugar que só eu conheço

Posso ser de tudo um pouco

Ou tudo junto, dia, hora, ano ou mês

Parece coisa de louco?

Pode apostar que é sim

A terra do nunca é minha, caro colega

É uma doideira só…

Invenções da minha mente

Lá moro eu velha, moça e garotinha!

De dia começa a noite, ou a tarde…

E termina de manhãzinha…

imagens do Pinterest

Pé na estrada…

Que sempre o céu seja promessa

Do recomeço da estrada

Que cada flor no caminho

A esperança encontrada

Cada árvore uma amiga

Cada pássaro um irmãozinho

Que façamos de cada dia

Um lindo pedaço do caminho

Que não faltem as risadas

Também um tanto de juízo (não muito)

Que todo banco de praça tenha um amigo

Que as pessoas sintam-se amadas

Que toda dor que no momento

O destino nos faça provar

Só nos mostre neste instante

Que a saúde é boa, que a vida é bela

Que devemos ser gratos e aproveitar

Dias de sol, chuva ou trovoada

O que importa é ter o coração aberto

Fé, amor e pé na estrada …

imagens do WordPress

🤸Eterna infância

Venham, vamos andar sem rumo

Caminhar, correr e rolar neste gramado verde

Não ! Sem estresse e subterfúgios

Hoje é só ser criança de novo, sem mais

Pé sujo e roupa velha é a nova lei

Esquece o que te falaram

Sobre ser responsável, adulto e chato

É só um pouco, vamos brincar

Não demora e já têm mais gente

Garotada da rua de baixo, do escritório do lado

Galera do serviço geral, da construção civil

Sei lá mais de onde…sempre cabe mais um

Breves momentos, para ser você, e só você

Sem horário fixo, sem gravata ou salto alto

Solte a imaginação

Ela é a mãe de todas as brincadeiras

E aproveite para olhar para os lados

Sorrir e chamar mais uma criança adormecida

Dá um berro se ela estiver ferrada no sono

Se ficar uma fera, esquenta não…logo amansa

Ninguém está imune a alegria de viver

Viva a tua eterna infância 🤸🤸🤸

imagens do Pinterest

Janela dos meus olhos

Da janela da casinha, casinha de tijolos,cimento, histórias e calos…dessa janela assisto o vento
bater nas árvores. É uma batida contínua, sincrônica até, diria eu, amorosa.
Vai e volta com um cinismo e um charme que só poderia esperar do vento. Esse mesmo,que
vêm de não sei onde, remexe tudo depois parte. Assim, sem deixar endereço, sentimento ou
telefone. Elas, as árvores, já deveriam estar acostumadas, em especial aqui, onde esse
intrépido cavaleiro surge dia sim , outro talvez.
Mas não, cada nova visita têm ares de estréia. A paixão e o fascínio só aumentam, pois que a
cada rompante ele chega diferente, soando como se mil harpas e liras tocassem juntas em
torno e dentro da minha alma. Sim, sou um pouco ,ou muito, como essas árvores. Provo dessa
dúbia relação com o vento, mas entre mortos e feridos salva-se a delícia de ter os cabelos
embaraçados e os arrepios nos braços. Assim como as árvores, com seus galhos revoltos e as
folhas ao léo.
Agora chega de adular o vento,mesmo ele sendo meu predileto, a vida e a paisagem aqui não
me deixam dúvidas de que natureza é sábia e de que a vida no campo é uma das maravilhas da
existência.
Dá para ver muito mais aqui desta janela,podem acreditar…muito além das vacas pastando, ou
dos pássaros que a todo momento cantam e piam como se não houvesse amanhã. Toda essa
movimentação me motiva, esse verde trás a tona tudo que pudesse estar adormecido, e
mesmo quando bate a preguiça, fruto do friozinho e da garoa, é esta janela tão frugal que dá o tom do dia.
Quem dera a alma possa ter uma abertura como essa, já que seria de tanta valia, saber olhar e
recolher cada momento como as árvores recolhem o vento, como se acolhe alguém ou algo
que nem se sabe, mas se anseia.
Acontece que nada vêm de graça ou sozinho, e esse vento matreiro não seria excessão. A
partir de agora ele divide espaço com o sol, e essa mistura deliciosa faz qualquer um sair da
toca e querer provar esse momento pitoresco.
Sabe do que me dei conta agora? Desde que estou aqui ainda não vi nem um sapo …nem
um, nem pra remédio, como diria minha vó. Já vi cobras e lagartos, sem trocadilho, mas sapo…
estão é passando ao longe…

… continua

imagens do Pinterest

Perspectiva 🦋🍁

Caminho pela vida,passeio por esse lugar

Perambulando aqui e ali

Na busca do sentido, de um símbolo

De uma rota ,de um signo

Tranquila nas dúvidas, não são só minhas

Pisando duro e contundente

Voltando atrás, rindo contente

Perspectiva que muda a rota

Define arrimos e rumos

Sem achar desculpas ,eu sigo

Com ou sem razão ,eu digo

Mudo de humor , de endereço

De poema, de gosto e desejo

Logo surge um novo prisma

Novamente volto a questionar…

…ser ou não?

Continuar ou parar ?

Perspectiva de morte, de vida , que importa

Nada termina ,. só se transforma

Nesta mutável e eterna perspectiva…

imagens do Pinterest

O chamado…

Pare e ouça o chamado

Auscute a Terra, perceba o ar

Note a majestosa presença que tudo preenche

Delicie -se com a dádiva da vida

Prove o sabor,o tom , a luz e a cor

Ouça as palavras que os velhas árvores te oferecem

Palavras tão antigas quanto o Cosmos

Símbolos esquecidos de um reino fabuloso

Que de tão longe , tão perto está

Um lugar de magia cósmica

Beleza profunda e conhecimento milenar

Vamos … os Mestres nos aguardam

Cicerones desta jornada de Luz

E as fadas,elfos e duendes não tardam…

A Mãe Terra têm sede, têm saudade

Do teu respeito,do teu carinho

Do teu retorno às origens

Livre e solto feito folha ao vento

Criança dos céus envolta

No mar eterno da felicidade…

imagens do Pinterest

Podas…

A roseira,a parreira

As frutíferas, a trepadeira

Os cabelos,unhas, sobrancelhas

Tudo tem de ser podado

Vêm mais forte,diz a lenda

Conta a vida…prova a colheita

Contornando, questionando

No raciocínio, na manha

Corta aqui, cola acolá

Desfaz um nó, torna a atar

Pensa melhor,refaz caminho

Olhando de perto , dá pra notar

Uma e outra aresta , sobra ou resto

Que necessita podar

É assim na natureza,no Cosmos e na vida

Percorrendo a existência de mente aberta

Prosseguimos na roda, na poda, na lida ✨

imagens do Pinterest

Meu céu…

Me fala,me conta…me diz

Alguém aí explica como pode

Essa aura divinamente especial

O céu ter esse tom

Tão vivo, tão limpo, celestial

Parece até que vi várias fadas

Um dragão…ou um cometa

Todo céu é o mesmo céu

Mas uns são tão azuis

Repletos de vivências e nuvens

Reluzindo a estrelas, luas e sóis

Aquela mistura de tons de sonho

Dormidos ou não, vividos ou não

É desse céu que estou falando

Esse que aparece só pra ti

Em momentos tão íntimos e únicos

Que somente tua alma pode ver

Saber, sentir e crer

Quando tudo mais falhar

Procure no alto,acima e dentro

Encontre no teu céu

Criatividade, fé e sonho

Respire fundo e volte a acreditar…

imagens do Pinterest