Empresa holandesa tenta desenvolver “bafômetro” para detectar Covid-19

Aparelho mede o nível de compostos orgânicos na expiração, que supostamente muda quando a pessoa está com a doença; técnica será testada em 3.500 pessoas.

O exame PCR, usado para a detecção do Sars-CoV-2, não é a coisa mais confortável do mundo. Nele, um grande cotonete estéril é enfiado nas narinas e garganta do paciente para retirar amostras de secreções, que são posteriormente analisadas para dar o diagnóstico da doença. Mas uma empresa holandesa chamada Breathomix tenta desenvolver uma alternativa: o SpiroNose, um “bafômetro” de Covid-19.

Empresa holandesa tenta desenvolver “bafômetro” para detectar Covid-19

publicado originalmente em superinteressante

✨🌻