Brasileiro comprou mais livros na pandemia – distopias subiram no ranking

As vendas de ficção subiram 41,4% entre o começo do ano passado e o deste ano – escapar da realidade se tornou atraente no isolamento social.

O brasileiro está lendo mais durante a pandemia – ou, no mínimo, comprando mais livros. (Se eles são mesmo lidos, é outra história. Existe até uma palavra em japonês para quem passa o rodo na livraria e não dá conta de ler tudo depois: tsundoku, que mistura “empilhar” e “ler”. Uma boa tradução do neologismo é “empiler”.)

Brasileiro comprou mais livros na pandemia – distopias subiram no ranking

publicado originalmente em superinteressante

2 respostas para “Brasileiro comprou mais livros na pandemia – distopias subiram no ranking”

✨🌻