Assista a “Luiz Gonzaga, Gonzaguinha – A Vida de Viajante (Festival da Canção)” no YouTube

💚💛A Vida de Viajante

Peguei a doença da estrada

Minha vida é andar por esse país
Pra ver se um dia descanso feliz
Guardando as recordações das terras onde passei
Andando pelos sertões e dos amigos que lá deixei

Chuva e sol, poeira e carvão
Longe de casa, sigo o roteiro
Mais uma estação
E alegria no coração

Êh, saudade!

Minha vida é andar por esse país
Pra ver se um dia descanso feliz
Guardando as recordações das terras onde passei
Andando pelos sertões e dos amigos que lá deixei

Mar e terra, inverno e verão
Mostro o sorriso, mostro alegria
Mas eu mesmo, não
E a saudade no coração

Êh, saudade


Lula, olha o trem chegando!

Minha vida é andar por esse país
Pra ver se um dia descanso feliz
Guardando as recordações das terras onde passei
Andando pelos sertões e dos amigos que lá deixei

Chuva e sol, poeira e carvão
Longe de casa, sigo o roteiro
Mais uma estação
E alegria no coração

Ah, saudade, meu filho!
Diga
Lula
Diga

Olha o trem chegando na estação
É, tá cheio de gente!
E o trem tá cheinho, meu filho
Olha o povo lá
É sinal de casa cheia
Isso é bom, isso é bom

Lulinha!


Diga lá


Olha o povão
Um dia eu chego lá devagar
Não esquece do povão, meu filho
Ah, sem pressa, sem pressa

Tá com saudade de vovô Januário?


Tô, mas sei que ele tá tocando lá em cima
No forró animadissímo, deixa ele


Não se esqueça que tudo começou com ele, meu filho

E como é que é a história?


Ah, de pai pra filho (hein?)


De pai pra filho, desde 1912


Ih, deixa que eu levo pra frente
Essa que é a história!

💚💛Fonte: Musixmatch

Compositores: Luiz Gonzaga / Herve Cordovil

imagens do WordPress

✨🌻

%d blogueiros gostam disto: