Historiadores identificam 14 parentes vivos de Leonardo da Vinci

Da Vinci não se casou e nem teve filhos. Mas os pais dele garantiram que o DNA da família fosse passado para frente: seu pai, Ser Piero, um notário florentino, teve outros 17 filhos. Já a mãe, uma jovem camponesa chamada Caterina di Meo Lippi, contribuiu com outros cinco. Em resumo, da Vinci tinha 22 meios-irmãos.

Os historiadores italianos Alessandro Vezzosi e Agnese Sabato passaram boa parte dos últimos anos organizando a árvore genealógica do pintor. A dupla foi capaz de traçar 690 anos de história, passando por 21 gerações da família. E, para a surpresa de muitos, encontraram agora 14 pessoas vivas que possuem parentesco com da Vinci. O estudo foi publicado na revista científica Journal of Human Evolution.

Para fazer isso, os pesquisadores desenvolveram uma árvore genealógica que atravessa 21 gerações. Cientistas pretendem estudar o DNA da família em busca de relações com certas características do artista

Historiadores identificam 14 parentes vivos de Leonardo da Vinci

publicado originalmente em superinteressante

5 respostas para “Historiadores identificam 14 parentes vivos de Leonardo da Vinci”

  1. Algumas histórias não podem ser levadas adiante. Há família que termina com uma única pessoa. Mas a árvore genealógica ganha fôlego com os outros membros que garante a sobrevivência dos membros.

✨🌻