Hiena risonha

Já chegamos ao limite?

Até onde vai a intolerância

A estupidez,a arrogância

Não vamos mais ter imprensa?

Só nos porões, embaixo dos panos

Como é que fica?

Explicações?!

Só urros,zurros, berros

Minorias pisando na maioria

É assim mesmo,e daí?

E o tempo passa,e o mês muda

E as vidas vão sem chance de voltar

Já chegamos?

Ao limiar da ignorância e da falta de noção?

Ah, isto faz tempo

Há alguma coisa que faça sentido?

Não,de jeito nenhum

Só mesmo a falta total de sentido

Mundo paralelo,surreal, tragicômico

E a vida segue,o asco aumenta

O país se rasga,o povo agoniza

Os caixões se avolumam

E a hiena ri,ri da cara,ri na cara

De quem,em um momento de bobeira

Jogou no lixo 500 e tantos anos de história

É um pesadelo, só pode ser

Despertar em 3…2…1

Peço desculpas a hiena, que não tem nada a ver com isso.

14 respostas para “Hiena risonha”

      1. Não agradeça. Entendo a sua preocupação. Mas, num país, onde poucas pessoas leem, se você mostrar a imagem de uma hiena rindo, a maioria vai entender que é só uma hiena rindo, ou seja, falta a reflexão…

  1. Magicamistura, eu acrescentei o seu exemplo a um texto, mas como se tratava de uma rede social (facebook), diferente dessa não acrescentei seu blog. Não me achei no direito. Foi uma forma de resguardar o seu trabalho.

✨🌻