Airbnb aumenta número de crimes

Essa foi a conclusão de pesquisadores da Northeastern University, em Boston, que analisaram a criminalidade em vários bairros da cidade ao longo de dez anos (1).

Eles constataram que, quando mais imóveis de uma região eram oferecidos no Airbnb, os crimes ali também aumentavam. O efeito não era imediato; acontecia ao longo dos anos seguintes.

Segundo o estudo, isso indica que não é a presença dos turistas que atrai os bandidos, mas o enfraquecimento das relações comunitárias causado pelo Airbnb (com a presença de mais gente de fora, e menos vizinhos que se conhecem).

Estudo realizado ao longo de dez anos revela que o site altera a dinâmica social dos bairros – e não para melhor

Airbnb aumenta número de crimes

publicado originalmente em superinteressante

Assista a “ASSALTO EM ARAÇATUBA E O NOVO CANGAÇO!” no YouTube

O país mergulhado em tragédia, caos e fome…e um sujeito que manda a população substituir feijão por fuzil.

Impressão minha ou esse tipo de atitude e declaração têm cada dia mais incitado e facilitado essas operações criminosas?

Henry Bugalho em uma excelente análise!

imagens da internet

Corporações do setor alimentar rejeitam nova lei inglesa que pune produção agrícola em áreas desmatadas ilegalmente nos trópicos —

Foto aérea tirada de áreas queimadas da floresta amazônica, perto de Porto Velho, estado de Rondônia, Brasil. Fotografia: Carlos Fabal / AFP / Getty Images

Novo projeto de lei aplicará multas a empresas sediadas no Reino Unido que não conseguirem cortar ligações com terras desmatadas ilegalmente nos trópicos Por Fiona Harvey correspondente do meio […] Corporações […]

Corporações do setor alimentar rejeitam nova lei inglesa que pune produção agrícola em áreas desmatadas ilegalmente nos trópicos —

republicado de Bárbara Crane Navarro

Os apuros de Ricardo Salles nas mãos das autoridades ambientais dos EUA não param de crescer —

Vivêssemos tempos normais, o ainda ministro (ou seria anti-ministro?) do Meio Ambiente, Ricardo Salles, não teria apenas sido removido do cargo, mas provavelmente encaminhado para um período de férias no presídio da Papuda. É que as recentes revelações de que um escritório de advocacia do que ele é sócio arrecadou milhões de reais de […]

Os apuros de Ricardo Salles nas mãos das autoridades ambientais dos EUA não param de crescer —
%d blogueiros gostam disto: