Ave mais perigosa do mundo pode ter sido domesticada há 18 mil anos

O casuar é frequentemente considerado a ave mais perigosa do mundo. Nativo de florestas tropicais da Austrália e Nova Guiné, ele pode ser agressivo em cativeiro ou diante de uma ameaça humana. Em 2019, por exemplo, ficou famoso um acidente trágico em que um casuar atacou, com as garras afiadas, seu cuidador.

Apesar de parecer um animal imune à domesticação, um estudo recente indicou que, há 18 mil anos, pessoas na Nova Guiné podem ter criado filhotes de casuares. Esse seria o primeiro exemplo conhecido de humanos domesticando aves, milhares de anos antes da galinha.

O estudo analisou mais de mil fragmentos de cascas de ovos do casuar, encontrados em escavações arqueológicas realizadas em abrigos de rocha usados por caçadores-coletores na Nova Guiné. Para entender o que os antigos habitantes da ilha faziam com os ovos, uma equipe de cientistas descobriu em qual estágio de incubação cada ovo estava – ou o quão longe estava da eclosão. Para criar um modelo para isso, eles escanearam as cascas gerando imagens 3D de alta resolução e fizeram uma série de comparações com cascas de ovos modernas de avestruz – que pertence à família Casuariidae, assim como os casuares.

Cascas de ovos encontradas em escavações arqueológicas sugerem que antigos habitantes da Nova Guiné criavam filhotes de casuar, uma ave conhecida pelas garras afiadas e pela agressividade

Ave mais perigosa do mundo pode ter sido domesticada há 18 mil anos

publicado originalmente em superinteressante

Covid-19: quando vem a imunidade coletiva?

Os índices esperados para alcançar a imunidade coletiva ou de rebanho em relação ao coronavírus mudaram desde o início da pandemia. Bom lembrar que a obtenção desse status, em que a maioria da população está protegida contra o vírus, depende da quantidade de pessoas vacinadas contra ele e da queda na sua taxa de transmissão, segundo o epidemiologista Guilherme Werneck, professor do Instituto de Medicina Social Hesio Cordeiro, da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj).

“Supõe-se que a partir de um determinado patamar de imunização, é possível interromper a circulação de um vírus. Mas, com a covid-19, é diferente”, diz Werneck.

Casos de reinfecção, o surgimento de variantes e a possibilidade de transmitir a doença mesmo após a vacinação são variáveis que bagunçaram a conta e deixaram os especialistas incertos sobre qual seria o tal patamar de imunização necessário para frear o coronavírus. Mas eles estão esperançosos em relação à queda das mortes e ao controle da doença. Desde que não haja um relaxamento total, é claro.

Novas cepas e possibilidade de transmissão do vírus por vacinados são fatores que dificultam a resposta. Mas há uma certeza: dá para controlar o coronavírus

Covid-19: quando vem a imunidade coletiva?

publicado originalmente em Veja saúde

Pisa, a cidade italiana que vai além da Torre

Apesar de muitos acharem que a única atração da cidade italiana de Pisa seja a Torre de Pisa, o local contém 12 monumentos históricos. Esta cidade é o destino ideal para uma quem pretende fazer uma viagem repleta de descobertas, conhecer maravilhas artísticas e culturais e também relaxar.

A cidade universitária onde nasceu Galileu Galilei (físico e astrônomo) oferece diversas opções de atrações turísticas que te mostram a parte contemporânea da cidade e também levam para a Era Medieval, contando a história da cidade ao longo do tempo.

Além do complexo arquitetônico da Praça do Duomo, onde fica situada a Torre de Pisa, você também pode aproveitar para conhecer outras partes da cidade.

No centro da cidade você pode aproveitar para fazer compras, já que as ruas são repletas de marcas famosas de diversos setores, como Sephora, Nara Camicie e muito mais.

Antigamente Pisa era uma cidade importante para as rotas comerciais do Mediterrâneo mas atualmente é um respeitável centro industrial que também reúne três universidades de prestígio.

Apesar de muitos acharem que a única atração da cidade italiana de Pisa seja a Torre de Pisa, o local contém 12 monumentos históricos.

Pisa, a cidade italiana que vai além da Torre

publicado originalmente em psantinati

Sentindo …

Quando despertamos para este mundo

Ao abrirmos os olhos para esta vida

Tudo começa de novo,

Jornada, vivência e caminho

É certo que viemos esquecidos

Apenas uma embaçada lembrança

Do que já passou, dos experimentos

Mas o espírito guarda com ele

Sentindo absorto os passados momentos

Tropeços e tombos, recomeços e lutas

Provas , e explosões de arrogância

Cara no chão e lições preciosas

É o trajeto,a vida,cada qual com a sua

Nenhuma sem as próprias histórias

Não é simples,nem será

Pois o objetivo é este mesmo

Aprendermos com os outros,

Com tudo que se assoma,

Nosso caminho trilhar

Para quando ao nosso lar voltarmos

Uma bagagem linda de gratidão e luz,

Possamos com alegria levar ✨✨

imagens do Pinterest

Estudo em tanque de imersão explora impactos de viagens espaciais em mulheres

A microgravidade experimentada por astronautas pode impactá-los de várias maneiras. Os músculos e ligamentos têm menos trabalho, fluidos se deslocam em direção à cabeça, e a coluna vertebral, que nos mantém de pé, também experimenta situações diferentes na dança espacial. Os astronautas podem perder densidade muscular e óssea ou apresentar problemas de audição e visão. E esses são só alguns exemplos.

Cientistas realizam uma série de pesquisas para entender os possíveis impactos das viagens espaciais no corpo humano e encontrar maneiras de manter os astronautas saudáveis durante as missões ou quando retornam à Terra. Mas, por enquanto, a maioria dessas pesquisas estuda o corpo masculino.

Pensando em abordar essa lacuna de gênero, a Agência Espacial Europeia (ESA, na sigla em inglês) está realizando um experimento com 20 voluntárias. Elas passarão alguns dias com o corpo suspenso em tanques de imersão a seco para simular o impacto da microgravidade em seus hormônios, músculos, esqueleto, sistema imunológico e cardiovascular.

Agência Espacial Europeia pretende abordar lacuna de gênero na área de pesquisa a partir de experimento simulando microgravidade com 20 voluntárias

Estudo em tanque de imersão explora impactos de viagens espaciais em mulheres

publicado originalmente em superinteressante

Assista a “Pharrell Williams – Happy (Video)” no YouTube

💃🕺 Happy

Pode parecer loucura o que estou prestes a dizer
It might seem crazy what I am ‘bout to say

Sunshine ela está aqui, você pode fazer uma pausa
Sunshine she’s here, you can take a break

Eu sou um balão de ar quente que poderia ir para o espaço
I’m a hot air balloon that could go to space

Com o ar, como se eu não me importasse, baby, por falar nisso
With the air, like I don’t care, baby by the way

Huh (porque estou feliz)
Huh (Because I’m happy)

Bata palmas se você se sentir como um quarto sem teto
Clap along if you feel like a room without a roof

(Porque eu sou feliz)
(Because I’m happy)

Bata palmas se sentir que a felicidade é a verdade
Clap along if you feel like happiness is the truth

(Porque eu sou feliz)
(Because I’m happy)

Bata palmas se você sabe o que é felicidade para você
Clap along if you know what happiness is to you

(Porque eu sou feliz)
(Because I’m happy)

Bata palmas se sentir que é isso que quer fazer
Clap along if you feel like that’s what you wanna do

Aí vêm más notícias falando isso e aquilo (sim)
Here come bad news talking this and that (Yeah)

Bem, me dê tudo que você tem, não se segure (Sim)
Well give me all you got, don’t hold back (Yeah)

Bem, eu provavelmente deveria avisá-lo que ficarei bem (Sim)
Well I should probably warn you I’ll be just fine (Yeah)

Sem ofensa para você, não perca seu tempo
No offence to you don’t waste your time

Aqui está o porquê
Here’s why

Bata palmas se você se sentir como um quarto sem teto
Clap along if you feel like a room without a roof

(Porque eu sou feliz)
(Because I’m happy)

Bata palmas se sentir que a felicidade é a verdade
Clap along if you feel like happiness is the truth

(Porque eu sou feliz)
(Because I’m happy)

Bata palmas se você sabe o que é felicidade para você
Clap along if you know what happiness is to you

(Porque eu sou feliz)
(Because I’m happy)

Bata palmas se sentir que é isso que quer fazer
Clap along if you feel like that’s what you wanna do

Uh, me derrube
Uh, bring me down

Não pode nada, me derrube
Can’t nothing, bring me down

Meu nível está muito alto para me derrubar
My level’s too high to bring me down

Não dá pra nada, me deixa pra baixo, eu disse
Can’t nothing, bring me down, I said

Me derrube, não pode nada
Bring me down, can’t nothing

Me derrube
Bring me down

Meu nível está muito alto para me derrubar
My level’s too high to bring me down

Não dá pra nada, me deixa pra baixo, eu disse
Can’t nothing, bring me down, I said

Bata palmas se você se sentir como um quarto sem teto
Clap along if you feel like a room without a roof

(Porque eu sou feliz)
(Because I’m happy)

Bata palmas se sentir que a felicidade é a verdade
Clap along if you feel like happiness is the truth

(Porque eu sou feliz)
(Because I’m happy)

Bata palmas se você sabe o que é felicidade para você
Clap along if you know what happiness is to you

(Porque eu sou feliz)
(Because I’m happy)

Bata palmas se sentir que é isso que quer fazer
Clap along if you feel like that’s what you wanna do

Bata palmas se você se sentir como um quarto sem teto
Clap along if you feel like a room without a roof

(Porque eu sou feliz)
(Because I’m happy)

Bata palmas se sentir que a felicidade é a verdade
Clap along if you feel like happiness is the truth

(Porque eu sou feliz)
(Because I’m happy)

Bata palmas se você sabe o que é felicidade para você
Clap along if you know what happiness is to you

(Porque eu sou feliz)
(Because I’m happy)

Bata palmas se sentir que é isso que quer fazer
Clap along if you feel like that’s what you wanna do

Uh, me derrube (feliz, feliz, feliz, feliz)
Uh, bring me down (Happy, happy, happy, happy)

Não posso nada (feliz, feliz, feliz, feliz)
Can’t nothing (Happy, happy, happy, happy)

Traga-me para baixo, meu nível é muito alto
Bring me down, my level’s too high

Para me derrubar (feliz, feliz, feliz, feliz)
To bring me down (Happy, happy, happy, happy)

Não posso nada (feliz, feliz, feliz, feliz)
Can’t nothing (Happy, happy, happy, happy)

Traga-me para baixo, eu disse
Bring me down, I said

Bata palmas se você se sentir como um quarto sem teto
Clap along if you feel like a room without a roof

(Porque eu sou feliz)
(Because I’m happy)

Bata palmas se sentir que a felicidade é a verdade
Clap along if you feel like happiness is the truth

(Porque eu sou feliz)
(Because I’m happy)

Bata palmas se você sabe o que é felicidade para você (aaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa que)
Clap along if you know what happiness is to you (ayy, ayy, ayy)

(Porque eu sou feliz)
(Because I’m happy)

Bata palmas se sentir que é isso que quer fazer
Clap along if you feel like that’s what you wanna do

Bata palmas se você se sentir como um quarto sem teto
Clap along if you feel like a room without a roof

(Porque eu sou feliz)
(Because I’m happy)

Bata palmas se sentir que a felicidade é a verdade
Clap along if you feel like happiness is the truth

(Porque eu sou feliz)
(Because I’m happy)

Bata palmas se você sabe o que é felicidade para você (hey)
Clap along if you know what happiness is to you (hey)

(Porque eu sou feliz)
(Because I’m happy)

Bata palmas se sentir que é isso que quer fazer
Clap along if you feel like that’s what you wanna do

Vamos
Come on

👏👏💃🕺Fonte: Musixmatch

Compositores: Williams Pharrell L

imagens do Pinterest

%d blogueiros gostam disto: