Assista a “Chico Anísio…Justo Veríssimo em campanha” no YouTube

O genial Chico Anísio no quadro “Justo Veríssimo”… é de rir, prá não chorar.

Pelo menos não dá prá dizer que o Justo é mentiroso 🤣😛

Assistam a cara da nossa política… infelizmente. Vamos amadurecer e dar de vez uma lição de cidadania nessa turma.

Paz e Luz ✨✨✨

Muros… Garcia Lorca

Semana passada nós assistimos a série espanhola da Netflix La Valla ,em português Zona de Separação…

Muito bem feita, condizente com a realidade atual,com certeza vocês vão gostar.

Não vou falar mais,nem dar spoilers porque não é minha praia…

Essa frase de Garcia Lorca é dita em um momento crucial da série por um personagem principal que nós aqui em casa achamos a cara de um ex presidente do Brasil (um de verdade)…por isso pensei em partilhar com vocês.

Abaixo da foto,link da biografia.

“Há coisas encerradas dentro dos muros que, se saíssem de repente para a rua e gritassem, encheriam o mundo.”

Federico García Lorca 

Federico Garcia Lorca

Folhas ao vento 🍂🍁

Que nossas dúvidas

Voem para longe

Que a minha arrogância

Se transmute em doçura

Que as coisas mal resolvidas

Fiquem claras como cristal

Que a insegurança

Encontre um porto seguro

Que a minha ignorância

Fique ávida por conhecimento

Que o egoísmo

Dê lugar a fartura de sentimento

Que a intolerância

Entre num acordo com a sensatez

Que toda crueldade, miséria e dor

Sejam levadas como folhas ao vento

Que no lugar do mal

Possa nascer fulgurante

A Luz brilhante do Amor ❤️

Paz e Luz ✨✨✨

Assista a “Simone – Pão e Poesia” no YouTube

Desde ontem quando escrevi “Grata” que essa música não me sai da cabeça… porque será?!🙂🌻

Procurei pela Simone cantando ao vivo mas não achei nada com qualidade, então vou postar assim mesmo… quero muito que vocês também relembrem essa maravilha da MPB❤️

Essa música do Moraes Moreira e Fausto Nilo foi imortalizada na voz dessa maravilhosa cantora, que só fica melhor com o passar dos anos.💕✨


PÃO E POESIA🌻

Felicidade é uma cidade pequenina
É uma casinha, é uma colina
Qualquer lugar que se ilumina
Quando a gente quer amar

Se a vida fosse trabalhar nessa oficina
Fazer menino ou menina, edifício e maracá
Virtude e vício, liberdade e precipício
Fazer pão, fazer comício, fazer gol e namorar

Se a vida fosse o meu desejo
Dar um beijo em teu sorriso, sem cansaço
E o portão do paraíso é teu abraço
Quando a fábrica apitar

Felicidade é uma cidade pequenina
É uma casinha, é uma colina
Qualquer lugar que se ilumina
Quando a gente quer amar

Não há paisagem entre o pão e a poesia
Entre o quero e o não queria, entre a terra e o luar
Não é na guerra, nem saudade, nem futuro
É o amor no pé do muro sem ninguém policiar

É a faculdade de sonhar, é a poesia
Que principia quando eu paro de pensar
Pensar na luta desigual, na força bruta, meu amor
Quem te maltrata entre o almoço e o jantar

Felicidade é uma cidade pequenina
É uma casinha, é uma colina
Qualquer lugar que se ilumina
Quando a gente quer amar

O lindo espaço entre a fruta e o caroço
Quando explode é um alvoroço que distrai o teu olhar
É a natureza onde eu pareço metade
Da tua mesma vontade escondida em outro olhar

E como o doce não esquece a tamarinda
Essa beleza só finda quando a outra começar
Vai ser bem feito nosso amor daquele jeito
Nesse dia é feriado, não precisa trabalhar

Pra não dizer que eu não falei da fantasia
Que acaricia o pensamento popular
O amor que fica entre a fala e a tua boca
Nem a palavra mais louca
Consegue significar felicidade

Felicidade é uma cidade pequenina
É uma casinha, é uma colina
Qualquer lugar que se ilumina
Quando a gente quer amar

Felicidade é uma cidade pequenina
É uma casinha, é uma colina
Qualquer lugar que se ilumina
Quando a gente quer amar

Composição: Moraes Moreira e Fausto Nilo

Palavras, palavras🌻

Palavras, palavras

Podem ser lindas, duras

Profundas,rasas de amor

Tão fáceis de escrever

Tão rápidas pra falar

Palavras, palavras

Ferem tanto quanto um tapa

Consolam nas horas ingratas

Amo muito as palavras…

E se livros têm “muita coisa escrita”

Como diria um “certo governante”…

Quero mais e mais palavras

De todas as formas e idiomas

Usar com sabedoria?

Isto é tentativa diária

Palavras, palavras

Tanto erguem

Quanto derrubam

Homens, doutrinas,governos

Combiná-las é um dom,uma arte

Tão rotineiro quanto respirar

Tão perigoso quanto faca

Em mão de criança

Palavras, palavras

Que através delas me seja permitido

Fazer daqui um lugar

Mais curioso

Mais agradável

Mais nítido de se ver

Bonito de se olhar…

Paz e Luz ✨✨✨