Assista a “Clara Nunes – Guerreira” no YouTube

🌹 Guerreira

Se vocês querem saber quem eu sou
Eu sou a tal mineira
Filha de Angola, de Kêto e Nagô
Não sou de brincadeira
Canto pelos sete cantos
Não temo quebrantos, porque eu sou guerreira
Dentro do samba eu nasci, me criei, me converti, e ninguem vai tombar a minha bandeira(2x) ô,ô,ô
Bole com samba que eu caio, e balanço o balaio, no som dos tantãs.
Rebolo que deito e que rolo, e me embalo e me embolo nos balangandãs.
Bambeia de lá, que eu bambeio nesse bamboleio que eu sou bambambã.
Que o samba não tem cambalacho, vai de em cima em baixo, pra quem é seu fã.
E eu sambo pela noite inteira, até amanhã de manhã, sou a mineira guerreira, filha de Ogum com Iansã.

Parte falada:

Salve Nosso Senhor Jesus Cristo – Êpa Babá, Oxalá
Salve São Jorge Guerreiro – Ogum, ogunhê, meu pai
Salve Santa Bárbara – êparrei, minha mãe Yansã
Salve São Pedro – Kaô-Kabecile, Xangó
Salve São Sebastião – Okê-Arô-Oxóssi
Salve Nossa Senhora da Conceição – Otôpiabá-Yemanjá
Salve Nossa Senhora da Glória – Ora-ie-ie, Oxum
Salve Nossa Senhora Santana – Nanã-Buruquê, Saluba, Vovó
Salve São Lázaro – Atotô, Abaluai-ê
Salve São Bartholomeu – Arrobobô, Oxum Maré
Salve o povo da rua
Salve as crianças
Salve os Pretos Velhos
Pai Antonio, Pai Joaquim D’Angola, Vovó Maria Conga, Saravá
E salve o Rei Nagô.

Bole com samba que eu caio, e balanço o balaio, no som dos tantãs.
Rebolo que deito e que rolo, e me embalo e me embolo nos balangandãs.
Bambeia de lá, que eu bambeio nesse bamboleio que eu sou bambambã.
Que o samba não tem cambalacho, vai de em cima em baixo, pra quem é seu fã.
E eu sambo pela noite inteira, até amanhã de manhã, sou a mineira guerreira, filha de Ogum com Iansã.

Composição: João Nogueira/Paulo César Pinheiro

imagens do WordPress

Chuva Alada …por Mágica Mistura

“É a chuva derramando-se como cascata prateada

Saltam os pingos que despertam a criança adormecida

A sonhadora entorpecida de amores

Que insiste em enxergar magias onde todos vêem dor

Hipnotizante ping ping da calha …

Me dá asas para nadar até onde a realidade termina

Em um mar de água turquesa e céu de prata

Ping, ping… lá vou eu

Corpo relaxado nas cobertas

Alma alada de fada voando para casa…”

Mágica Mistura

imagens do WordPress

Juliana D Passos e a Macumbaria – Madrugada (Ao Vivo) Zé Pilintra

🌃 MADRUGADA …

OH, LAPA QUE ASSISTIU MINHAS TRISTEZAS
OH, LAPA QUE VIU OS MEUS DIAS DE GLÓRIA

QUANDO EU ANDAVA
MUITO BEM ACOMPANHADO
DE TERNO DE SEDA E CACHECOL
JOGADO PRO LADO

COM MEU BARALHO
PRONTO PARA CARTEAR
FIZ DA MADRUGADA
MINHA MUSA MEU ALTAR

RONDAVA OS BARES
TODAS NOITES SEM PARAR
MAS CERTA NOITE
SOB A LUZ DO LUAR

MEU AMIGO
ATINGIDO FUI AO CHÃO
E COM CERTEZA
ATINGIRAM O MEU CORAÇÃO

NÃO FOI POLÍCIA, NEM OTÁRIO, NÃO FOI NADA
ZÉ PILINTRA FOI AO CHÃO
POR AMOR À MADRUGADA

MAS O QUE FOI? QUAL FOI O CASO? NÃO FOI NADA!
A MULHER QUE EU AMAVA
SE CHAMAVA MADRUGADA

Composição: Simone de Eulina

imagens do WordPress

Benditos…por Mágica Mistura

“Salve a Rainha da Floresta !

Salve toda Egrégora de Luz !

Bem-vindo todo aquele que vêm …

Que venha em nome da Paz!

Salve todos Orixás e o Povo da Mata

Deidades, Divindades e Elementais

Anjos, Santos e Ciganos

Bendito seja todo aquele

Que busca o autoconhecimento

Que anseia pela evolução

Que com humildade caminha em busca

De dias melhores e mais sábios

E de coração aberto está

Para todo Amor que virá!”

Mágica Mistura

imagens do WordPress

Assista a “Ibã Huni Kuin – A Energia da Floresta” no YouTube

🧚‍♂️A Energia da Floresta

A a a eee 

A a a eee

A a a eee


A a a eee

A a a eee

A a a eee


Venho da mata, trago a luz da miração

Nestes encantos nixi pae e kawa

Fazendo a transformação


A a a eee

A a a eee

A a a eee


Venho da mata, dos encantos da jibóia

É da floresta

Somos índio ayahuasca


A a a eee

A a a eee

A a a eee


Ey huni pae mó pae mó

Ey huni pae mó pae mó

Ey huni pae mó pae mó


Eu pedi mãe natureza

Me dê paz me dê firmeza

Para eu poder caminhar


Vou caminhando dentro desta luz divina

A força que nos ensina

Colorindo a miração

Composição: Ibã Huni Kuin

imagens do WordPress

Fadas, fadinhas…por Mágica Mistura

“Primeiro vieram as flores

Sem elas, nenhuma chance

Depois cogumelos e a verde grama

Então de um sonho tão lindo

Nasceram as criaturas mais doces

Esses amores tão puros

Voam alto, cantam e sussurram

Colorindo e perfumando o mundo

Quem acredita em fadas,

Sabe bem do que estou falando…”

Mágica Mistura

imagens do WordPress

%d blogueiros gostam disto: