Nova ferramenta do Google identifica superfícies em tempo real

A nova ferramenta do Google em parceria com a organização sem fins lucrativos World Resources Institute é capaz de identificar os recursos presentes na superfície da Terra quase em tempo real. A empresa acredita que a ferramenta Dynamic World ajudará governos e pesquisadores a tomarem providências mais eficazes para combater as mudanças climáticas e a perda de biodiversidade.

Uma imagem gerada pelo Dynamic World da superfície de Salvador.

Os cientistas por trás da ferramenta publicaram um artigo detalhando o funcionamento da tecnologia. Ela usa um sistema de machine learning (aprendizado de máquina) conhecido como “aprendizado hierárquico” somado a imagens do satélite Copernicus Sentinel-2 para desenvolver um mapa de cobertura da Terra em alta resolução que diferencia terrenos com características específicas – como árvores, grama, plantações, água ou construções.

Imagem da cidade de Brasília.

A precisão do Dynamic World permite identificar cada tipo de superfície.

“Os mapas globais atuais de cobertura do solo podem levar meses para serem produzidos e, normalmente, fornecem dados apenas mensalmente ou anualmente,” relata a empresa no anúncio. Segundo eles, mais de 5.000 imagens do Dynamic World são produzidas todos os dias, resultando em dados de superfície que vão desde junho de 2015 até poucos dias atrás.

O Dynamic World promete ser mais preciso que os outros mapas do tipo – e pode ser essencial para monitorar biomas e prever transformações na natureza.

Nova ferramenta do Google identifica superfícies em tempo real

publicado em superinteressante

Azul é a cor favorita da maior parte das pessoas. E a psicologia explica por quê.

Por Maria Clara Rossini

Pergunte a qualquer pessoa qual é sua cor favorita. Há uma boa chance de que você ouça “azul” como resposta. A professora Lauren Labrecque, da Universidade de Rhode Island, nos Estados Unidos, faz essa pergunta a todas as suas turmas. Ela já tem um slide preparado em que se lê “80% de vocês disse azul”. Geralmente, a professora está certa.

E essa preferência não é exclusiva dos universitários. Nos anos 1990, a empresa de giz de cera Crayola fez enquetes perguntando às crianças quais seriam suas cores favoritas – e o azul ficou em primeiro lugar. Na verdade, a cor azul é a predileta desde as primeiras pesquisas sobre o assunto. Ela já aparece no célebre “Teoria das Cores”, de Johann Wolfgang von Goethe, publicado em 1810.

Ele aparece em primeiro lugar desde as primeiras pesquisas sobre o tema, nos anos 1800. Entenda o que define qual é a sua cor favorita.

Azul é a cor favorita da maior parte das pessoas. E a psicologia explica por quê.

publicado em superinteressante

Noite sem Luar…por Mágica Mistura

Noites sem Lua são lindas

Lindas pois as estrelas

Sem a concorrência da Rainha

Ficam mais atrevidas, despudoradas

Brilhando incessantemente

Árdua e lindamente

A Via láctea, livre para sonhar

Passeia na noite

Como um veleiro de luzes

Deixando perplexos os amantes

Felizes e risonhas as fadas

Sonhadores todos os elfos

Noites sem Lua são lindas

Mas, confesso que nelas

Conto os dias para ver

Majestosa e sublime…

A Mãe Lua voltar ✨✨

imagens do WordPress

%d blogueiros gostam disto: