Assista a “Ouro de Sangue: para onde vai o ouro ilegal garimpado na Amazônia?” no YouTube

A barbárie não têm limites. A ganância também não.

No Brasil de 2022 o Governo Bolsonaro trata com negligência e descaso a destruição da Amazônia, e com desdém o desespero dos indígenas.

A Mãe Terra pede socorro.

BBC NEWS aqui!

imagens do WordPress

Assista a “REZA DO VENTO – Rosa Amarela” no YouTube

✨Reza do Vento

Sopra o vento, sopra o vento
Sinta o vento te soprar
Abre a porta do teu ser
Deixa esse vento entrar
É o sopro da verdade
É o som de oxalá…
Ouça o vento, ouça o vento
Ouça vento entoar
Esse assovio doce
Com as benção de yemanjá
É o canto da verdade
O amor de oxalá…
Esse vento foi ao norte
Esse vento veio ao sul
Esse vento foi ao leste
Esse vento a oeste
Esteve nas montanhas brancas
Nos cabelos de Jesus
É o rezo do pai velho
Na espada de ogum
Esse vento reza o mar
Esse vento reza a terra
Esse vento reza o sol
Esse vento reza a lua
É o ôm do soberano
Que balança o céu azul
Esse vento vem lembrando
Que nós todos somos um

Fonte: Musixmatch

✨Compositores: Ale De Maria

imagens do WordPress

Simplesmente complexos…por Mágica Mistura

“Somos simples e complexos… Simples porque cada um de nós busca basicamente o mesmo: satisfazer as necessidades e encontrar a felicidade. Complexos porque, diante da fartura do planeta que fomos agraciados, cremos veementemente que nossos desejos e vontades precisam sempre estar à frente dos demais. Criaturas simplesmente complexas em busca de evolução…”

Mágica Mistura

imagens do WordPress

Assista a “Marie Gabriella – Ilumina Minha Mãe (TEDxSãoPaulo)” no YouTube

🌷Ilumina minha Mãe

Ilumina, ó minha Mãe, esse medo por favor
Me mostra a liberdade de viver no seu amor
Me leva às profundezas das minhas emoções
Para eu ver com clareza inconscientes negações

Que me deixam dormindo em distorcido prazer
Seguindo distraído tão distante de você
Como voz eu quero ser, como a lua a clarear
Refletindo a luz do sol para a noite iluminar

Rumo ao oceano nas suas águas brincar
Sua beleza apreciando para a vida celebrar
Ilumina ó minha mãe esse medo por favor
Me mostra a liberdade de viver no seu amor

Me leva às profundezas das minhas emoções
Para eu ver com clareza inconscientes negações
Que me deixam dormindo em distorcido prazer
Seguindo distraído tão distante de você

Como Vós eu quero ser como a lua clarear
Refletindo a luz do sol para a noite iluminar
Rumo ao oceano na suas águas brincar
Só beleza apreciando para a vida celebrar

Ó Mãe, ó Mãe de Deus
Proteja os filhos seus
Ó Mãe, ó Mãe de Deus
Perdoe os filhos seus

Ó Mãe, Ó Mãe de Deus
Proteja os filhos seus
Ó Mãe, ó Mãe de Deus
Perdoe os filhos seus

Deixa a luz brilhar
A flor florescer, a vida revelar a verdade do meu ser
Deixar o sol nascer dentro do meu coração
O amor manifestar a mais pura gratidão

Deixa a luz brilhar
A flor florescer, a vida revelar a verdade do meu ser
Deixar o sol nascer dentro do meu coração
O amor manifestar a mais pura gratidão

Ó mãe, mãe natureza
Mostrai-nos vossa beleza
Ó mãe, mãe natureza
Lembrai-nos da nossa essência

Ó mãe, mãe natureza
Mostrai-nos vossa beleza
Ó mãe, mãe natureza
Lembrai-nos da nossa essência

Interceda junto ao Pai levando a minha oração
O pedido é a benção que me traz aceitação
A Vós quero servir, junto a Ti quero seguir
Aprendendo a dizer sim para tudo que há de vir

Interceda junto ao Pai levando a minha oração
O pedido é a benção que me traz aceitação
A Vós quero servir, junto a Ti quero seguir
Aprendendo a dizer sim para tudo que há de vir

Ó Mãe, Ó Mãe de Deus
Ó Mãe, Ó Mãe de Deus
Ó Mãe, Ó minha Mãe
Ó mãe, Ó minha Mãe

Fonte: Musixmatch

Composição: Marie Gabriella

imagens do WordPress

Os desafios da dor crônica em tempos de pós-Covid

Por Diogo Sponchiato

dor crônica vive um paradoxo. Talvez não haja condição mais incômoda para quem sofre com ela e, ao mesmo tempo, tão menosprezada pelos outros (às vezes, até por profissionais de saúde). “Invisível”, “subjetiva” e “complexa”, como se rotula por aí, ela é um dos principais desafios de saúde pública hoje. E, se não bastassem as dificuldades para o diagnóstico e o tratamento − que envolvem falta de exames específicos, abuso de algumas medicações, carência de outras e ainda terapias sem comprovação científica −, a Covid-19 veio meter o bedelho na história. É significativo o número de pessoas que, após a remissão da infecção, ficam com dores pelo corpo. Para entender o cenário atual da dor crônica, um problema que afeta ao redor de 20% da população adulta mundial (30% entre os idosos), e o que ela tem a ver com a Covid longa, entrevistamos uma médica brasileira radicada no Canadá que se tornou uma das maiores experts na área, Andrea Furlan. Professora da Universidade de Toronto e cientista sênior do Instituto de Reabilitação de Toronto, a fisiatra atuou na elaboração das últimas diretrizes para o tratamento da condição e o uso de opioides no Canadá e participa, neste dia 6 de abril, de um debate sobre novas tecnologias para o diagnóstico e o controle da dor crônica (clique aqui para se inscrever) em um evento online de aquecimento da Hospitalar, principal feira do segmento da América Latina.

Autoridade no assunto, médica brasileira radicada no Canadá conta o que precisa evoluir no controle da dor crônica, uma das sequelas na Covid longa

Os desafios da dor crônica em tempos de pós-Covid

publicado em Veja saúde

%d blogueiros gostam disto: