Recaminho…

Entre o tapete e a escada

Um momento, já me encontro

…entre o abismo e a revoada

Estrada florida,gramada e tranquila

Preocupações em um beco sem saída

Encontros, desencontros, obsessão

Caminhos que vêm,esbarram e se vão

Tudo é caminho, luta e aprendizado

Nada em vão,nada perdido

Cada iguaria,cada migalha

Faz parte de mim, é minha história

Remendos aqui e ali,rugas na cara

Cabeça mais feita,na busca,na marra

Cada momento é bem-vindo

Chorando ,ou raivosa… sorrindo

Depois de certa idade, já é lucro

Redescobrir-me capaz e teimosa

Com talento, audaciosa

Início,caminho, meio…meios

É meu reinício, recaminho…

imagens do Pinterest

Viver em bairros com mais verde reduz o risco de doenças cardiovasculares

Já é sabido que morar em áreas mais verdes traz benefícios à saúde e ao bem-estar. A vegetação já foi relacionada a índices mais baixos de hipertensão e, agora, um estudo reforça que a natureza ajuda mesmo a prevenir doenças cardiovasculares. O trabalho foi apresentado durante um congresso promovido pela Sociedade Europeia de Cardiologia no mês passado.

Participaram da análise 243 558 beneficiários do Medicare, seguro de saúde do governo dos Estados Unidos, que viviam na mesma área de Miami entre 2011 e 2016. Os registros foram utilizados para obter, ao longo desse período, a incidência de novos males no coração nessas pessoas, a exemplo de infarto, fibrilação atrial, insuficiência cardíaca, hipertensão e acidente vascular cerebral.

Estudo avaliou a saúde de quase 250 mil moradores de áreas com diferentes graus de arborização

Viver em bairros com mais verde reduz o risco de doenças cardiovasculares

publicado originalmente em Veja saúde

Assista a “Enya – It’s In The Rain (Video)” no YouTube

🌧️It’s in the rain

Cada vez que a chuva cai
Every time the rain comes down

Eu fecho meus olhos e escuto
I close my eyes and listen

Eu posso ouvir o som solitário
I can hear the lonesome sound

Do céu enquanto chora
Of the sky as it cries

Escute a chuva
Listen to the rain

Lá vem de novo
Here it comes again

Ouça na chuva
Hear it in the rain

Sinta o toque das lágrimas que caem
Feel the touch of tears that fall

Eles não vão cair para sempre
They won’t fall forever

No caminho o dia vai fluir
In the way the day will flow

Todas as coisas vêm, todas as coisas vão
All things come, all things go

Ouça a chuva, a chuva
Listen to the rain, the rain

Lá vem ele de novo, de novo
Here it comes again, again

Ouça na chuva, a chuva
Hear it in the rain, the rain

Tarde da noite eu me afasto
Late at night I drift away

Eu posso ouvir você chamando
I can hear you calling

E meu nome esta na chuva
And my name is in the rain

Folhas nas árvores sussurrando
Leaves on trees whispering

Mares azuis profundos, mistérios
Deep blue seas, mysteries

Mesmo quando este momento acabar
Even when this moment ends

Não posso deixar esse sentimento ir embora
Can’t let go this feeling

Tudo virá de novo
Everything will come again

No som caindo
In the sound falling down

Do céu enquanto chora
Of the sky as it cries

Ouça meu nome na chuva
Hear my name in the rain

🌧️Fonte: LyricFind

Compositores: Eithne Ni Bhraonain / Nicky Ryan / Roma Ryan

Letra de It’s in the Rain © Sony/ATV Music Publishing LLC

imagens do Pinterest

Dragão-de-komodo entra na lista de espécies em perigo de extinção

Os dragões-de-komodo são animais fascinantes. Nativos do leste da Indonésia, eles podem chegar a três metros de comprimento e pesar 135 quilos – o que lhes garante o título de maior lagarto do mundo. Mais traços dignos de um Godzilla: escamas resistentes, saliva altamente venenosa e a capacidade de detectar presas a quilômetros de distância (algumas fêmeas, inclusive, comem os próprios filhotes). Até o nome científico (Varanus komodoensis) impõe respeito, convenhamos.

Contudo, todas essas características não os isentam de sofrer os efeitos da crise climática. Na última semana, a União Internacional para a Conservação da Natureza e dos Recursos Naturais (IUCN, na sigla em inglês) mudou a classificação do dragão-de-komodo em sua lista vermelha de espécies ameaçadas de extinção. O animal passou de “vulnerável” para “em perigo”.

O maior lagarto do mundo é um predador voraz e vive em áreas de conservação – mas nem ele consegue escapar da caça ilegal e dos efeitos da crise climática.

Dragão-de-komodo entra na lista de espécies em perigo de extinção

publicado originalmente em superinteressante