Assista a “A obstrução intestinal do Messias: mais uma história de Sorte no Azar.” no YouTube

…a boca fala do que está cheio o coração…

Melhoras rápidas ao Bolsonaro,a justiça e a verdade o esperam.

Bob Fernandes, cirúrgico e acertivo como sempre!

imagens da internet

Agronegócio como vetor de surto de COVID-19 em Campos dos Goytacazes

As evidências de que o chamado “agronegócio” (cujo nome verdadeiro é latifúndio agro-exportador) é um dos principais responsáveis pela ampla circulação do Sars-Cov-2 no Brasil são inúmeras e já estão sendo documentadas pelos pesquisadores brasileiras sob a forma de artigos científicos.  Mas agora uma reportagem do Portal Viu mostra que mesmo aqui na planície dos […]

Agronegócio como vetor de surto de COVID-19 em Campos dos Goytacazes

publicado originalmente em blog do pedlowski

Biocurativo inteligente feito de células-tronco trata lesões e queimaduras

A startup brasileira In Situ Terapia Celular desenvolveu, com apoio do Programa Pesquisa Inovativa em Pequenas Empresas (PIPE), da Fapesp, um biocurativo para o tratamento inteligente de feridas e queimaduras.

O produto, que tem a aparência de uma lente de contato, é obtido a partir de células-tronco e de um hidrogel, impresso a partir em uma bioimpressora 3D. Ele pode ser aplicado diretamente sobre a pele, de forma mais eficiente em relação às opções atuais.

O produto está sendo submetido à Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) para aprovação de ensaio clínico e registro.

Criado por startup brasileira, o dispositivo, impresso a partir de uma bioimpressora 3D, pode ser aplicado diretamente sobre a pele humana

Biocurativo inteligente feito de células-tronco trata lesões e queimaduras

publicado originalmente em Veja saúde

Historiadores identificam 14 parentes vivos de Leonardo da Vinci

Da Vinci não se casou e nem teve filhos. Mas os pais dele garantiram que o DNA da família fosse passado para frente: seu pai, Ser Piero, um notário florentino, teve outros 17 filhos. Já a mãe, uma jovem camponesa chamada Caterina di Meo Lippi, contribuiu com outros cinco. Em resumo, da Vinci tinha 22 meios-irmãos.

Os historiadores italianos Alessandro Vezzosi e Agnese Sabato passaram boa parte dos últimos anos organizando a árvore genealógica do pintor. A dupla foi capaz de traçar 690 anos de história, passando por 21 gerações da família. E, para a surpresa de muitos, encontraram agora 14 pessoas vivas que possuem parentesco com da Vinci. O estudo foi publicado na revista científica Journal of Human Evolution.

Para fazer isso, os pesquisadores desenvolveram uma árvore genealógica que atravessa 21 gerações. Cientistas pretendem estudar o DNA da família em busca de relações com certas características do artista

Historiadores identificam 14 parentes vivos de Leonardo da Vinci

publicado originalmente em superinteressante