Doçura 🧁🍭🍬

Doçura bem poderia

Ser a nossa definição,

O sentido da vida…

É, isso mesmo…

Ah,hoje tentarei ser doce

Doce como um bombom

Ou então…

Fulano é um amor

Doce como um quindão

Veja, lá vem Ciclana

Parecendo maçã do amor

A vida é mesmo um sorvete

Um brigadeiro,um chiclete

Vai uma cocada aí ?

Quem sabe uma paçoca…

E quando faltar doçura

Preenchemos com mel, melado

Para não perder o gosto…

Seria uma delícia,

Distribuir alegria, doçura,

Por onde passarmos

É utopia,eu sei

Mas utopia,

Também é doce

Doce sonho…

imagens do WordPress

Assista a “Pato Fu – Perdendo Dentes (John Ulhoa / Fernanda Takai)” no YouTube

✨✨Perdendo dentes…

Pouco adiantou
Acender cigarro
Falar palavrão
Perder a razão

Eu quis ser eu mesmo
Eu quis ser alguém
Mas sou como os outros
Que não são ninguém

Acho que eu fico mesmo diferente
Quando eu falo tudo o que penso realmente
Mostro a todo mundo que eu não sei quem sou
Eu uso as palavras de um perdedor

As brigas que ganhei
Nem um troféu
Como lembrança
Pra casa eu levei

As brigas que perdi
Estas sim
Eu nunca esqueci
Eu nunca esqueci

Pouco adiantou
Acender cigarro
Falar palavrão
Perder a razão

Eu quis ser eu mesmo
Eu quis ser alguém
Mas sou como os outros
Que não são ninguém

Acho que eu fico mesmo diferente
Quando eu falo tudo o que penso realmente
Mostro a todo mundo que eu não sei quem sou
Eu uso as palavras de um perdedor

As brigas que ganhei
Nem um troféu
Como lembrança
Pra casa eu levei

As brigas que perdi
Estas sim
Eu nunca esqueci
Eu nunca esqueci

As brigas que ganhei
Nem um troféu
Como lembrança
Pra casa eu levei

As brigas que perdi
Estas sim
Eu nunca esqueci
Eu nunca esqueci

✨Fonte: LyricFind

Compositores: Fernanda Barbosa Takai / Joao Daniel Ulhoa

Letra de Perdendo Dentes © Universal Music Publishing Group

imagem do Pinterest

*imagem destacada do wordpress

Navegar…⛵

NO OCEANO DO SENTIMENTO…

ONDAS SÃO SEMPRE BEM VINDAS

UMAS TRAZEM UM LAMENTO,

OUTRAS LINDOS MOMENTOS…

É SÓ SABER NAVEGAR;

NÃO TENHA RECEIO…

OS DEUSES DA ÁGUA ESTÃO CONTIGO…

BRAVO MARUJO ,

LOUCO BUCANEIRO…

TE DEIXA LEVAR NA MARÉ,

FEITO PLUMA AO VENTO,

TEU DESTINO É A LUZ

SEJA AGORA EM UM MERGULHO

SEJA QUANDO FOR O TEU TEMPO…

imagens do wordPress