Assista a “14 Bis – Planeta Sonho (Ao Vivo)” no YouTube

PLANETA SONHO 🌎❤️

Aqui ninguém mais ficará depois do sol
No final será o que não sei mas será
Tudo demais
Nem o bem nem o mal
Só o brilho calmo dessa luz

O planeta calma será terra
O planeta sonho será terra
E lá no fim daquele mar
A minha estrela vai se apagar
Como brilhou
Fogo solto no caos

Aqui também é bom lugar de se viver
Bom lugar será o que não sei mas será
Algo a fazer
Bem melhor que a canção
Mais bonita que alguém lembrar

A harmonia será terra
A dissonância será bela
E lá no fim daquele azul
Os meus acordes vão terminar
Não haverá
Outro som pelo ar

O planeta sonho será terra
A dissonância será bela
E lá no fim daquele mar
A minha estrela vai se apagar
Como brilhou
Fogo solto no caos

O planeta sonho será terra
A dissonância será bela
E lá no fim daquele mar
A minha estrela vai se apagar
Como brilhou
Fogo solto no caos

Fonte: Musixmatch

Compositores: Marcio Hilton Fragoso Borges / Flavio Hugo Venturini / Jose Geraldo De Castro Moreira

Letra de Planeta sonho © Edicoes Musicais Tapajos Ltda, Emi Songs Do Brasil Edicoes Musicais Ltda

Eterna Deusa🌼✨

Deusa das águas tranquilas

Deusa das manhãs

Caminhas por entre nuvens de sonho

Teu corpo é pura luz

Deusa das florestas intocadas

Do oceano sem fim

Deusa da Lua de prata

Deusa dos lábios carmim

Habitas o meu interior

Sou parte de ti

Deusa da relva macia

Deusa da Rosa e Jasmim

Teu amor para mim é tudo

Infinito, eterno

Imortal ,intocado

Deusa dos velhos carvalhos

Deusa dos novos jardins 🌼✨

ambas imagens Pinterest

Assista a “Zélia Duncan – Alma” no YouTube

ALMA✨

Alma, deixa eu ver sua alma


A epiderme da alma, superfície


Alma, deixa eu tocar sua alma

Com a superfície da palma da minha mão, superfície

Easy, fique bem easy

Fique sem nem razão

Da superfície livre

Fique sim, livre

Fique bem com razão ou não, aterrize

Alma, isso do medo se acalma

Isso de sede se aplaca

Todo pesar não existe

Alma, como um reflexo na água

Sobre a última camada

Que fica na superfície, crise

Já acabou, livre

Já passou o meu temor do seu medo

Sem motivo, riso, de manhã, riso de neném

A água já molhou a superfície

Alma, daqui do lado de fora

Nenhuma forma de trauma sobrevive

Abra a sua válvula agora

A sua cápsula, alma

Flutua na superfície lisa, que me alisa

Seu suor, o sal que sai do sol, da superfície

Simples, devagar, simples, bem de leve

A alma já pousou na superfície

Alma, daqui do lado de fora

Nenhuma forma de trauma sobrevive

Abra a sua válvula agora

A sua cápsula, alma

Flutua na superfície lisa, que me alisa

Seu suor, o sal que sai do sol, da superfície

Simples, devagar, simples, bem de leve

A alma já pousou na superfície

Alma, deixa eu ver sua alma

A epiderme da alma, superfície

Alma, deixa eu tocar sua alma

Com a superfície da palma da minha mão, superfície

Alma, deixa eu ver

Deixa eu tocar (alma, alma, alma)


(Deixa eu ver)


(Deixa eu tocar)


(Alma, alma, alma)


Superfície (alma, alma)


Deixa eu ver sua alma (alma, alma)


Alma (alma, alma, alma)

Fonte: Musixmatch

Compositores: Arnaldo Augusto Nora Antunes Filho / Pedro Anibal De Oliveira Gomes

Letra de Alma © Warner/chappell Edicoes Musicais Ltda, Rosa Celeste